Centros de estética e salões de cabeleireiros são reconhecidos como atividade essencial

Projeto do vereador Lucas Kitão (PSL) foi sancionado pelo prefeito e será regulamentado quando for o momento oportuno

O projeto do vereador Lucas Kitão (PSL), que reconhece os centros de estética, salões de cabeleireiros e barbearias como serviços essenciais e, por isso, não podem fechar caso ocorra medidas restritivas contra o Covid-19, foi sancionado pelo prefeito Rogério Cruz (Republicanos).

“Foi uma das atividades mais afetadas com o fechamento das atividades não essenciais. Eles me mostraram como pretendem trabalhar, respeitando estas normas sem prejudicar a saúde, com os serviços passando a atender a população com horário marcado, com normas de higienização e com o compromisso de que estes trabalhadores farão o que é correto no combate à pandemia”, justificou o vereador Kitão.

O prefeito vetou o prazo para a definição das diretrizes para a abertura desses estabelecimentos em caso de novas sanções. Esse prazo será executado pelo Paço de acordo com a baixa do decreto, “assim que for o momento mais oportuno”. O veto ainda será analisado pela Casa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.