Brasileiros vacinados poderão entrar nos EUA a partir de novembro

Joe Biden anunciou mudanças nas restrições para receber estrangeiros. Teste de Covid-19 continuará a ser exigido

EUA mudará regras para entrada de estrangeiros no país. | Foto: Marco Verch

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciou, nesta segunda-feira (20), que o país mudará o sistema de restrições para entrada de estrangeiros no país a partir de novembro. Com as novas regras, brasileiros totalmente vacinados poderão viajar para os EUA.

A medida vale para outros países. Atualmente, há restrição para entrada de estrangeiros nos EUA, além de imposição de quarentena obrigatória para pessoas vindas de determinados lugares.

Os EUA não especificaram data para entrada de vigor da nova determinação. No entanto explicitou que será no início de novembro. O teste negativo de Covid-19 feito até três dias antes do embarque continuará a ser exigido.

As vacinas que devem ser aceitas serão da Pfizer, da Moderna e da Janssen, imunizantes usados para vacinação nos Estados Unidas. No entanto, está regra ainda não ficou clara. Para valer, é preciso que o estrangeiro tenha tomado a 2ª dose ou a dose única do imunizante há pelo menos duas semanas.

Os Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA (CDC, sigla em inglês) disse que pode ser que a regra seja estendida para vacinas aprovadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Entre os imunizantes estão a Oxford/AstraZeneca e a CoronaVac.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.