Bolsonaro cogita separar Ministério da Justiça da Segurança Pública

Presidente da República já teria como possíveis nomes Jorge Oliveira e André Mendonça para o Ministério da Justiça. Para a Segurança Pública, ele cogita o amigo pessoal Alberto Fraga

Jorge Oliveira, André Mendonça e Alberto Fraga

Com a saída de Sergio Moro, o presidente Jair Bolsonaro considera uma reconfiguração que separa o Ministério da Justiça da Segurança Pública. O formato já existia antes, mas as pastas foram unidas para que Moro tivesse mais autoridade.

Em 2019, Bolsonaro havia cogitado o desmembramento, mas à época, Moro também ameaçou deixar a pasta. A intenção do presidente era justamente esvaziar o poder de Moro no cargo, mas o plano foi postergado.

Nas avaliações do presidente da República, os possíveis nomes para a Justiça são os ministros Jorge Oliveira (atual secretário-geral da Presidência) e André Mendonça (da Advocacia-Geral da União). Já para a Segurança Pública, Bolsonaro pensa em Alberto Fraga (ex-deputado federal).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.