Banco do Brasil anuncia plano para fechar agências em 2017

Nova reformulação também prevê incentivo a aposentadoria de funcionários e pretende economizar R$ 750 milhões

Banco do Brasil planeja fechamento de agências para 2017| Foto: Reprodução

Banco do Brasil planeja fechamento de agências para 2017| Foto: Reprodução

O Banco do Brasil anunciou neste domingo (20/11) a implantação de um plano de reestruturação que deve fechar agências e enxugar sua estrutura administrativa, além de um plano de incentivo à aposentadoria de funcionários, todos para serem implantados a partir do ano que vem.

Na nova reformulação, de 5.430 agências hoje existentes no País, 781 deixarão de existir, o que corresponde a 14%. Destes pontos fechados, 379 serão convertidos em postos de atendimento, uma versão menor e mais barata. Outras 402 serão desativada, somando-se a outras 51 agências que começaram a ser fechadas em outubro.

Com as medidas, o Banco do Brasil espera economizar R$ 750 milhões, sendo R$ 450 milhões com a nova estrutura organizacional e R$ 300 milhões com redução de gastos com transporte de valores, segurança e despesas com imóveis.

O programa de incentivo à aposentadoria a ser implantado deve permitir a instituição diminuir em quase 10 mil o número de funcionários, que hoje são 109 mil. O banco hoje tem 18 mil empregados que já poderia ter deixado o mercado de trabalho, mas seguem na ativa.
Eles terçai até 9 de dezembro para aderir ao plano e deverão receber um bônus de 12 salários, além de indenização por tempo de serviço, variando entre um e três salários.

Com o fechamento de grandes agências, o Banco do Brasil pretende agora abrir 255 agências digitais. Hoje são 1,3 milhão de clientes que recebem atendimento nesse sistema. A expectativa é aumentar este número para 4 milhões.

Outro foco de investimento está nos aplicativos de celular. Segundo o BB, 40% das transações bancárias já são feitas pelo smartphone, enquanto outros 27% são via internet banking.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.