Arábia Saudita denuncia que oleoduto no país foi atacado por drones armados

Ataques em instalações de petróleo na Arábia Saudita podem aumentar as tensões entre o país e o Irã

Foto: Reprodução

Nessa terça-feira, 14, Khalid al-Falih, o ministro da Energia, disse que duas estações de petróleo foram atingidas nos ataques, que causaram um incêndio e danos menores. De acordo com o ministro, os atentados “provaram novamente” a importância de o governo saudita enfrentar organizações terroristas, entre elas as milícias Houthi no Iêmen, que por sua vez são apoiadas pelo Irã.

Em declaração publicada após o anúncio saudita, os Houthis assumiram a autoria dos ataques e disseram que sete drones conseguiram acertar os seus alvos.

O oleoduto atacado leva petróleo de campos de extração perto do Golfo Pérsico para um porto no Mar Vermelho, sem passar pelo Estreito de Ormuz.

Além dos ataques dos drones, Riad afirmou que dois de seus navios cargueiros que transportam petróleo sofreram grandes danos, após serem sabotados perto do estreito no domingo, 12.

Ainda não está claro se os incidentes estão interligados. Mas há preocupações crescentes de que os ataques em instalações de petróleo na Arábia Saudita possam aumentar as tensões entre o país e o Irã.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.