Após ser rejeitado, idoso mata mulher no Fórum de Itapuranga

Os dois teriam tido um breve relacionamento e o homem não aceitava o término

Vanda Mota Nascimento, de 42 anos | Reprodução/Facebook

Vanda Mota do Nascimento, de 42 anos | Reprodução/Facebook

Um homem de 65 anos matou uma servidora dentro do Fórum de Itapuranga, município goiano distante 167 km da capital, na manhã desta segunda-feira (28/9), por volta das 9 horas. Após disparar três tiros contra Vanda Mota do Nascimento, de 42 anos, Antônio Moreira dos Santos cometeu suicídio.

Em entrevista ao Jornal Opção, a delegada Geovana Sás Piloto, responsável pelo caso, informou que o crime foi passional. Os dois teriam tido um breve relacionamento e o homem não aceitava o término. “Ela não queria namorar e, em virtude disso, ele começou a ameaçá-la”, contou a titular.

Segundo Geovana Sás Piloto, Vanda já havia comunicado à polícia sobre as ameaças e medidas protetivas foram solicitadas junto à corporação. Antônio chegou a prestar depoimento na última sexta-feira (25), quando negou as ameaças. O homem já tinha passagem por outro homicídio.

O episódio chocou o pequeno município de pouco mais de 25 mil habitantes. O diretor do Fórum de Itapuranga, o juiz André Rodrigues Nacagami, suspendeu as atividades e os prazos processuais na comarca nesta segunda-feira.

Uma resposta para “Após ser rejeitado, idoso mata mulher no Fórum de Itapuranga”

  1. secrete disse:

    Ei, a Dra Geovana Sas Piloto está de férias quem responde pelo caso é um delegado da cidade de Goiás velho. ;)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.