Após ser acionada judicialmente, Goinfra estuda recurso e alega que já iniciou reparos em rodovias

Ação determina que governo coloque barreiras na GO-173, entre Israelândia e Jaupaci, e na GO-060, entre Iporá e o trevo de Moiporá

Foto: Reprodução

Após a justiça determinar na quarta-feira, 6, que o Governo de Goiás coloque quatro barreiras, no prazo máximo de 48h, para controlar o tráfego em trechos de duas rodovias com problemas estruturais, a Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra) e Procuradoria-Geral do Estado (PGE) estudam interposição de recurso. Em nota, a Goinfra afirma, inclusive, que já iniciou obras de reparo na GO-173, no trecho entre Israelândia e Jaupaci, e na GO-060, entre Iporá e o trevo de Moiporá.

A decisão do juiz Marcos Boechat Lopes Filho estipula ainda uma multa de R$ 100 mil, e em caso de descumprimento do prazo estabelecido, deverá ser aplicada uma nova multa, no valor de R$ 1 milhão. A justiça já tinha determinado a implantação de barreiras e manutenção na pista da GO-060, que chegou a ser interditada após asfalto afundar entre Israelândia e o trevo da Fazenda Nova.

Segundo o magistrado, a inobservância da recomendação e trafego de veículos pesados pode ter ocasionado o desabamento da pista no Km 184 da GO-060, na última terça-feira, 5.”Os reparos emergenciais foram feitos apenas com a retirada do asfalto deteriorado e, em seu lugar, foi apenas colocada uma camada de terra, aparentemente, sem qualquer critério técnico, o que, a princípio, não garante a segurança de tráfego no local”, disse Marcos Boechat.

A Goinfra alega que a nova gestão tem adotado medidas para solução dos problemas existentes na GO-060 e GO-173, advindos da falta de manutenção do governo anterior. “Resultados das parcerias com as prefeituras, por meio de Termo de Cooperação, têm sido positivos no trabalho para a recuperação emergencial dos trechos mais críticos da malha viária, inclusive nas rodovias objetos de decisão judicial”, diz trecho da nota.

A Agência também afirma que já realizou reparos na quarta-feira, 6, em trecho da GO-060, com apoio das prefeituras de Israelândia, São Luís de Montes Belos e Jaupaci, o que demonstra que existe um esforço em conjunto para o restabelecimento do tráfego.​

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.