Após ressonância na cabeça, Caiado é forçado a ampliar afastamento do Senado

Senador goiano foi recomendado a não voltar ao trabalho até que médicos avaliem acúmulo de sangue entre o cérebro e o crânio

Caiado durante sessão que decidiu sobre o afastamento de Aécio Neves | Foto: Marcos Oliveira/ Agência Senado

Depois de se submeter a novos exames médicos neste fim de semana, o senador Ronaldo Caiado (Democratas) foi recomendado a estender por mais 30 dias o afastamento das funções no Senado.

A decisão de adiar a volta ao trabalho, informada por meio de nota à imprensa, foi tomada pelo neurocirurgião Valter Costa, do Instituto Neurológico de Goiânia, após exame de ressonância magnética na cabeça, na tarde deste sábado (28/10).

O médico vem acompanhando a evolução de um hematoma subdural (acúmulo de sangue entre o cérebro e o crânio) após o acidente sofrido no último dia 13 de outubro.

Além de sofrer uma fratura no ombro, Caiado bateu a cabeça e vinha sofrendo de dores nos últimos dias. Segundo o médico, o afastamento foi decidido para uma melhor avaliação do quadro. O senador passa bem e está em casa, em Goiânia.

Acidente

No dia 13 de outubro, o senador Ronaldo Caiado (DEM) sofreu uma queda sobre o ombro esquerdo em sua fazenda no município de Mara Rosa, no Norte goiano. O acidente ocorreu após uma mula, que estava sendo domada, derrubar o senador.

Ele sofreu uma fratura cominutiva (com vários fragmentos) na cabeça do úmero esquerdo com deslocamento posterior do tubérculo maior. Depois de avaliar o caso com médicos, o senador descartou a cirurgia e optou pelo tratamento convencional.

Ficou afastado por 15 dias, mas, mesmo com o braço imobilizado, foi ao Senado participar da votação que determinou o retorno do senador Aécio Neves (PSDB-MG) ao mandato — Caiado votou contra.

Com o resultado do exame deste sábado (28), o democrata ficará mais 30 dias afastado.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jose oliveira

Caiado é doente assim mesmo