Após decreto, alguns bares de Goiânia anunciam que não irão reabrir

Estabelecimentos alegam pouca segurança para reabertura e devem esperar desdobramentos da pandemia

Apesar do decreto assinado na manhã desta segunda-feira, 13, pelo prefeito Iris Rezende (MDB) liberar a atividade, alguns bares tradicionais de Goiânia preferem a cautela. Alguns estabelecimentos, tão logo houve a publicação da liberação, não demoraram em publicar nas redes sociais que não irão abrir imediatamente.

A Cervejaria Mangueiras, localizado no Setor Oeste, é um dos bares que já anunciou que não irá abrir a partir de terça-feira, 14. Na publicação, o estabelecimento informa que aguarda protocolos oficias da prefeitura. “Reforçamos que a nossa maior preocupação, no atual cenário, é com a saúde e bem estar de todos”.

O Bar Matuto, localizado no Setor Universitário, é outro que não irá abrir de imediato. O bar informou que passa por “um momento terrível”, mas que não quer colocar “ninguém em risco”. “Até porque mesmo abrindo sabemos que não temos nenhuma garantia e apoio do governo. (…) Temos um respeito muito grande com nossa equipe e clientes”, publicou.

Mandala Cervejaria, no Conjunto Itatiaia, também anunciou que não irá abrir por enquanto. Os donos do estabelecimento justificam que não conseguem admitir que “nada seja mais valoroso que a vida”. A postagem ainda diz que a abertura significa expor a equipe e clientes a um risco de doenças altamente contagiosa.

2 respostas para “Após decreto, alguns bares de Goiânia anunciam que não irão reabrir”

  1. Celio disse:

    A consciência desses estabelecimentos falou mais alto que o simples faturamento! Pena que poucos tem a mente tão elevada, pensando na segurança dos funcionários e do público!

  2. Selma disse:

    NOSSA, Q ESPERANÇA!!!!
    Empresários conscientes e responsáveis.
    Gratidão, gratidão, gratidão!!!!
    Q o multiverso retribua o cuidado e atitude tão valiosos, pois estamos sós, desprotegidos e sem a quem recorrer.

    Obs: se em março, os primeiros casos tivessem sido isolados com monitoramento RIGOROSO da secretaria d saúde e feito decreto d 20 dias de isolamento p cidade. Quantos casos e qto tempo teríamos q ficar parados? Alguém consegue esse cálculo, pf?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.