Apesar de possível federação com PSDB, Lincoln Tejota e Virmondes Cruvinel se mantém firmes com Caiado

Mesmo antes da decisão do diretório nacional do Cidadania, ambos já negociavam com outras siglas para seguir com novos projetos em 2022

Após diretório nacional do Cidadania decidir, neste sábado, 19, se federar pelos próximos quatro anos com o PSDB, vice-governador e presidente estadual do partido em Goiás, Lincoln Tejota, se posiciona em favor da manutenção da aliança com o governador Ronaldo Caiado (União Brasil). Isso, porque apesar de o PSDB e o Cidadania terem uma boa relação quando se fala da perspectiva nacional, o mesmo não necessariamente ocorre nas esferas estaduais – especialmente em Goiás, onde o partido é presidido pelo adversário de Caiado, Marconi Perillo (PSDB).

Em posicionamento oficial, o vice-governador garantiu permanência de aliança entre ele e o atual governador de Goiás, que busca reeleição em 2022. “Fui eleito juntamente com o governador Ronaldo Caiado e acredito no trabalho que estamos fazendo nessa gestão. As minhas decisões futuras serão baseadas nessa convicção”, afirmou. Quem também afirmou se manter firme ao lado do governador foi o deputado estadual Virmondes Cruvinel (Cidadania), que também tem planos de se reeleger na Assembleia Legislativa do Estado de Goiás (Alego) este ano.

O deputado estadual ressalta entender o posicionamento nacional do partido, que ao buscar uma sigla com uma identidade partidária semelhante, na linha centro-esquerda, optou por maioria se federalizar com o PSDB. No entanto, ainda que ambos os partidos tenham uma boa relação na esfera nacional, “essa realidade nos estados acaba sendo muito diferente”, inclusive de modo a considerar o Cidadania ainda mais próximo do União Brasil (regionalmente falando) e do governador Ronaldo Caiado (UB) que do PSDB, devido a chapa em exercício de Caiado e Tejota como governador e vice.

Com isso, Cruvinel não esconde que a tendência dos dirigentes partidários goianos, devido ao contexto de Goiás da relação entre as siglas, devem escolher “caminhar junto ao Ronaldo Caiado”. É preciso relembrar, no entanto, como já adiantado pelo Jornal Opção, que tanto Tejota quanto Cruvinel já fazem alianças com outras siglas. Enquanto o que se diz sobre o futuro de Lincoln é a possibilidade de se filiar ao PSD de Vilmar Rocha, Virmondes recebeu convites tanto da sigla pessedista quanto do União Brasil, partido do governador de Goiás.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.