Aparecida reduz índice de letalidade em 32%, diz estudo de revista internacional

Dado é baseado em informação publicada na Revista Nature, que comprova que estratégias de enfrentamento à pandemia adotadas por Aparecida de Goiânia reduzem a mortalidade pela Covid-19

Hospital Municipal de Aparecida de Goiânia (Foto: Claudivino Antunes)

Um estudo publicado no último 24 de julho por uma das mais prestigiadas revistas científicas do mundo, a britânica Nature, aponta que as estratégias de enfrentamento à pandemia do coronavírus em Aparecida de Goiânia são as mais adequadas para reduzir mortes.

Segundo a publicação, a realização de um teste para Covid-19 a cada 100 pessoas está associada à redução de 8% na taxa de mortalidade pela doença, principalmente se aliada à oferta suficiente de leitos hospitalares específicos, dentre outras ações.

Em Aparecida de Goiânia, o índice de testagem é pelo menos quatro vezes superior ao apontado pela revista, o que resultaria em uma redução de 32% da letalidade.

A lógica aplicada também leva em consideração a criação dos 240 leitos hospitalares específicos para tratamento da Covid-19 realizada pela Prefeitura nos últimos cinco meses, além das ações de monitoramento com a Central de Telemedicina, a oferta rotineira de exames para pessoas do grupo de risco e o empréstimo de oxímetros, dentre outras.

“Com essa estratégia, tal como destacada pela Nature, Aparecida de Goiânia conseguiu manter sua taxa de mortalidade bem abaixo da média nacional: 1,51%, ao passo que o Brasil apresenta 3,33%”, afirma o secretário de Saúde, Alessandro Magalhães.

Os dados apresentados pelo gestor são referentes a um levantamento realizado no último domingo, 09 de julho.

Testar, monitorar e cuidar

Com 63.372 exames somente do tipo RT-PCR realizados até domingo, 9, a cidade testou 10,9% dos 578.179 moradores locais, alcançando um índice de testagem que é mais que o triplo do Estado (2,61%) e do País (2,53%).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.