“A Enel é a pior distribuidora de energia do país”, diz Ronaldo Caiado

Ao todo, o “apagão” contabilizou 26 horas no Estado. Mais que o dobro da segunda colocada

Foto: Leila Amaral

O governador Ronaldo Caiado (DEM) se reuniu com a diretoria técnica da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), para tratar da qualidade de energia da Enel, empresa responsável pelo fornecimento em Goiás. O encontro foi realizado na tarde desta quinta-feira, 14, no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, em Goiânia.

“Tem sido uma reclamação geral no Estado de Goiás, o prejuízo causado pela Enel é imenso, porque as pessoas estão perdendo mercadorias, nos comércios e a população perdendo bens que lutaram para adquirir”, afirmou o governador Caiado.

O diretor a Aneel, Rodrigo Limp disse que o primeiro passo foi dado para que o problema seja resolvido, com a reunião realizada: “Hoje estamos aqui para ouvir, já nos reunimos com o setor produtivo, maior consumidor de energia e sabemos que o serviço está a desejar. Como um órgão regulador, vamos aumentar a fiscalização e cobrar soluções. Devido a esta demanda reprimida, o fornecimento de energia em Goiás é inferior aos demais Estados.”

“A Enel é a pior distribuidora do país. Hoje o apagão em Goiás já somou 26 horas, mais do dobro das outras que estão em segundo lugar, dentre as piores”, frisou o democrata.

Tentando amenizar o caos, a Aneel criou um plano de emergência, já que o maior gargalo da Enel é a precariedade na rede de distribuição. “Uma rede antiga que precisa de investimento. A empresa não pode ser um inibidor para o desenvolvimento de Goiás”, disse o governador, que está preocupado com as oportunidades que o Estado perde sem atrair empresas para cá: “O goiano já está com saudade da Celg.”

Com sede em Roma, a Enel disse que vai deliberar valores para a melhoria do fornecimento. “Eu como brasileiro e goiano, não posso esperar uma decisão que vem de outro país, por isso já fui até Brasília e debati com o presidente do BNDES, Joaquim Levy, meios para investir na energia do Estado”, finalizou Caiado.

A reunião teve a participação de técnicos da Aneel, entre eles o presidente, Rodrigo Limp, secretários de Estado e do senador Vanderlan Cardoso (PP).

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

José Roberto De Menezes

A AGRICULTURA DO SOL é a maneira mais rápida e eficiente de solucionar o déficit de energia brasileiro. Todavia, exige pelo menos a redução do monopólio das hidroelétricas e dos cartéis de distribuição.

Gilson Santana

Sou produtor de leite em Hidrolândia Goiás, aqui na fazenda acaba a energia no mínimo duas vezes por semana.Para restabelecer o fornecimento de energia, demoram até Três dias,um absurdo.ENEL a pior das piores !Mui Mu prejuízo

Cristianderson Ribeiro Rodrigues

Produtores rurais, comerciantes, industriários e para todas as pessoas!! É a hora da mudança, de escolher como você quer gerar sua energia e como utilizar essa energia. Temos a chance de mudar e gerarmos energias limpas e renováveis e recebemos essa energia de forma rápida e segura.
Existe sistema de biodigestores e energia solar disponíveis para aqueles que desejem gerar sua própria energia. Se puder ajudar, estarei à disposição.

Cristianderson
62 98181-8582

Razorback De Faria

Melhor do que a Celg está, é muito. A choradeira é porque acabou a boca livre da Celg.

André Luis

Concordo plenamente com o Governador Ronaldo Caiado.
Essa empresa é muito fraca no atendimento e prestação de serviços.
Aqui em São Paulo, já surtem os efeitos dessa empresa.
Uma diferença enorme quanto o atendimento da empresa anterior, antiga Eletropaulo.
Em. Relação a qualidade no geral 27% atual e 85% anterior, fica a dica, prestem atenção paulistanos.

André Luis

A Enel é a pior distribuidora de energia do país.
Digo o mesmo que Ronaldo Caiado.
Falou tudo.

Vanio

Qual é a sua Energia

Viriato

Esse é o valor da terceirização. Ela mesmo plantou isso agora está colhendo sua colheita maravilhosa. Logo isso começará em outros estados qui ela distribui.

Calixto Augusto Silva Neto

tomara que ele devolva a enel para os goianos pois é nossa

Fernando Agarez

Saquarema,RJ, vivencia apagões a cada 30 minutos desde as 14 horas de 14 março, até a madrugada de 15 março. Pior impossível! Alguém pode dar alguma ajuda par minimizar nosso sofrimento?

Bruno Landim Brandão

Sou consumidor de Cabeceiras de Goiás dá onde que tiraram essa praga dessa Enel so pode ser dos infernos …nunca vi uma presa de tão má qualidade……. Serviço porco eles prometem e não fazem nada…tem que tomar uma atitude urgente Goiás pede socorro pra se librar dessa praga esse câncer chamado Enel……lixo lixo….lixo…lixo….