22 vereadores assinam manifesto contra a antecipação da eleição da mesa diretora

O documento foi articulado pelos parlamentares Leandro Sena (Republicanos), Léo José (PTB), Lucas Kitão (PSL) e Sabrina Garcêz ( PSD)

Os vereadores Leandro Sena (Republicanos), Léo José (PTB), Lucas Kitão (PSL) e Sabrina Garcêz ( PSD) articularam e 22 parlamentares assinaram na tarde desta segunda-feira, 03, um manifesto contra a possibilidade de antecipação da eleição da Mesa Diretora, na Câmara Municipal de Goiânia.

O documento ainda trata da prioridade para votação de matérias sobre assuntos relacionados à vida, de combate a Covid-19, e também de projetos que visem a retomada econômica.

Nos bastidores, a afirmação é de que diante deste manifesto o presidente Romário Policarpo (Patriota) deve recuar com a intenção de antecipar a eleição.

Na semana passada, uma emenda do vereador Juarez Lopes (PDT) foi aprovada na Comissão Mista, que altera o regimento interno da Casa e antecipa a realização das eleições no Legislativo.  E também amplia o número de componentes tanto da Comissão Mista quanto da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e Comissão de Finanças, Orçamento e Economia.

A matéria que ainda deve ser votada em plenário prevê também a criação da figura do 4° vice-presidente do Legislativo municipal. O interesse seria contemplar e se aproximar do grupo dos 14 parlamentares que votaram em Dr. Gian (MDB) para presidente da Câmara e perderam a eleição. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.