Wanderlei toma posse como governador garantido que a saúde será prioridade

Durante pronunciamento o governador declarou que não está em busca de poder e sim de trabalhar para melhorar a vida dos tocantinenses

Tomou posse no início da noite desta quinta-feira, 11, o governador Wanderlei Barbosa (sem partido) que vinha exercendo o cargo interinamente, desde 20 de outubro quando o governador Mauro Carlesse (União Brasil), foi afastado do cargo por decisão do Superior Tribunal Justiça (STJ). A posse aconteceu poucas horas após a Assembleia Legislativa receber a carta renúncia do governador Carlesse, que deixou o cargo pressionado pelo processo de impeachment que tramitava no Parlamento.

Em seu pronunciamento de 15 minutos, o governador Wanderlei Barbosa garantiu que não vai mudar nada em função de se tonar efetivo. “Quero dizer ao povo do meu estado que a minha chegada, de forma efetiva, ao governo do Estado, traz a mim ainda mais responsabilidade. Não me furtarei em nada naquilo que estou fazendo há quatro meses, lutando diariamente, percorrendo o nosso Estado, manifestando o meu desejo de arrumar as coisas, de concertar, de colocar o Estado, que tem tido muitas dificuldades, no rumo”. Declarou.

O governador falou ainda sobre as dificuldades que o Estado enfrenta na área dos transportes, somando mais de mil quilômetros de rodovias que precisam de recuperação, “não é operação tapa-buraco não, é a reconstrução do pavimento”, pontuou. Barbosa relevou que cancelou contratos para a realização de serviços que são prioridade e destinou os recursos economizados para pagamento de benefícios dos servidores. A segurança pública foi outro tema abordado pelo governador que garantiu que os municípios tocantinenses terão a polícia nas ruas, novamente.

A cerimônia foi simples e rápida e movimentou o plenário da Assembleia Legislativa. Prefeitos, vereadores, líderes políticos, secretários e representantes de poderes prestigiaram o ato que marca um novo momento na vida política do Estado.

Repercussão

Para o deputado Amélio Caires (SD) a posse de um tocantinense no comando do Palácio Araguaia é a volta da esperança. “O governador que acaba de tomar posse tem prometido realizar muitas coisas que são o anseio da sociedade, agora vamos aguardar para que as promessas sejam cumpridas, da nossa parte vamos cobrar para que isso aconteça”, comenta o deputado Júnior Geo (PROS), que foi relator do processo de impeachment. O deputado Eduardo Siqueira Campos (União Brasil) garante que o governador conta com apoio integral da Assembleia, 21 dos 24 deputados estão com o governador.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.