TO-020 é beneficiada por força-tarefa de recuperação de rodovias

Uma equipe composta por dez homens, além de caminhões e maquinários, atua no local com a finalidade de restabelecer a trafegabilidade da via

REcuperação Estradas - maio - credito - Gov do TO

Trabalhos de manutenção foram intensificados assim que terminou o período chuvoso | Foto: Governo do Tocantins

O governo do Tocantins, por meio da Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto), iniciou os serviços de manutenção [tapa-buracos] na TO-020, trecho entre Palmas e Aparecida do Rio Negro. Uma equipe composta por dez homens, além de caminhões e maquinários, atua no local com para restabelecer a trafegabilidade da via. “Nós começamos os serviços por Palmas e a previsão é de que consigamos concluir no início da próxima semana”, explicou o presidente da Ageto, Virgílio Azevedo.

Os trabalhos de manutenção foram intensificados assim que terminou o período chuvoso. A grande incidência de chuvas na região prejudicou a eficiência dos serviços paliativos realizados no primeiro trimestre de 2019. O processo é feito com utilização de uma mistura conhecida como pré-misturado a frio (PMF).

“Esse composto é de fácil aplicação e rápida absorção. Depois que é aplicado, ele passa por um processo de compactação. Mas para garantir a eficiência, o solo tem de estar seco”, disse Geraldo Magela, coordenador da Residência Rodoviária de Porto Nacional. Além da TO-020, outras rodovias também tem sido beneficiadas com serviços de manutenção. Uma delas é a TO-335, no trecho entre Colinas e Palmeirante, que está previsto para ser concluído até o final do mês.

Além disso, o governo do Estado também trabalha na reconstrução de 11 trechos de rodovias localizados no Sudeste do Tocantins. O investimento total é de R$ 79.904.460. Além da reconstrução, o contrato também prevê a manutenção das rodovias durante sua vigência. As obras beneficiam as TOs 040 e 110. Foram contemplados, pela segunda etapa do Contrato de Restauração e Manutenção de Rodovias (Crema II), os trechos da TO-040, de Dianópolis a divisa com a Bahia, o acesso à região conhecida como Garganta, os trechos da TO-110 entre Novo Jardim e a divisa com Goiás e o acesso ao Rio Azuis. “São obras que irão impactar positivamente no escoamento de nossa produção e no fomento ao turismo da região”, destacou o presidente da Ageto.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.