Governo do Tocantins entrega máquinas pesadas a municípios

Entregas estão sendo feitas por grupos reduzidos, para evitar aglomerações. Por enquanto, 36 prefeituras receberam os equipamentos

Carlesse na entrega de maquinário a prefeitos | Foto: Aldemar Ribeiro

Visando diminuir os impactos causados pela estiagem, preparar as cidades para receber turistas após a pandemia da Covid-19, além de melhorar os acessos aos assentamentos rurais, facilitando o escoamento da produção e a rota do transporte escolar, várias retroescavadeiras e pás carregadeiras foram entregues pelo governador Mauro Carlesse (DEM) a prefeitos.

Na tentativa de evitar aglomerações no momento de pandemia decorrente da Covid-19, o governador tem realizado a entrega dos equipamentos de forma gradativa. Na quinta-feira, 2, dez prefeitos receberem as máquinas: Cachoeirinha, Paulo Macedo; Pau D’Arco, João Batista Neto; Dianópolis, Gleibson Moreira (Padre Gleibson); Natividade, Martinha Rodrigues Neto (Professora Martinha); Centenário, Wesley da Silva Lima; Santa Maria do Tocantins, Itamar Barrachini; Chapada de Areia, Maria de Jesus Barros Varão; Divinópolis, Florisvane Mauricio da Glória; Marianópolis, Isaías Dias Piagem; Aliança do Tocantins, José Tavares de Oliveira (Coronel Tavares); e Formoso do Araguaia, Wagner Coelho de Oliveira.

Entre segunda-feira, 29/06, até quinta-feira, 02, 36 municípios já receberam o maquinário, mas todas as 139 cidades tocantinenses serão contempladas.

“Não tenho dúvida alguma que os prefeitos farão bom uso dessas máquinas, levando benefício para a população que é o mais importante. O nosso empenho enquanto governo municipalista, articulado com a bancada do Estado no Congresso, tem um único objetivo que é chegar na ponta, melhorar a vida do cidadão que precisa ter mais qualidade de vida e uma melhor infraestrutura com estradas acessíveis reflete diretamente nessa qualidade”, destacou o governador Mauro Carlesse.

Recursos

Os recursos para aquisição das máquinas são oriundos de emendas parlamentares da bancada federal tocantinense, da legislatura de 2015/2018. Ao todo, foram investidos R$ 68,6 milhões, sendo R$ 68,2 milhões de repasses da Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia (Sudam), que é vinculada ao Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), e mais R$ 488 mil como contrapartida financeira do Estado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.