Governador recebe Acipa para debater expansão do comércio

Thiago Rosa Santiago e Marcelo Miranda: parceria pela Fenepalmas | Foto: Frederick Borges

Representantes da diretoria da Associação Comercial e Industrial de Palmas (Acipa) foram recebidos em audiência na quarta-feira, 19, pelo governador Marcelo Miranda, no Palácio Araguaia. Na ocasião, o presidente da entidade, Thiago Rosa Santiago, reafirmou, em nome da associação, o amplo apoio ao governo do Estado.

“A Acipa é uma entidade de muita importância para o Tocantins. O momento é de todos sentarmos à mesa e discutirmos ações e medidas que contribuam para o desenvolvimento socioeconômico do Estado. Os desafios são diários, mas, dentro das possibilidades, temos feito a nossa parte”, disse o governador Marcelo Miranda.

A defesa pela unidade entre o governo e a associação também foi compartilhada pelos demais representantes presentes, que se mostraram dispostos a trabalhar em parceria com o governo. “Estamos aqui para estreitar o relacionamento e nos colocar à disposição para contribuir no que o Estado precisar”, avaliou o presidente Thiago Santiago. Para ele, a sensibilidade do governador em recebê-los é uma demonstração de que o governo sempre esteve aberto ao diálogo.

A realização da Feira de Negócios de Palmas (Fenepalmas) 2017, prevista para os dias 22 e 26 de agosto, na capital, também foi pauta do encontro. Para esta edição, em termos de recursos, o governo do Estado disponibilizou R$ 500 mil, por meio do Fundo de Desenvolvimento Econômico Estadual (FDE).

Segundo o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tec­nologia, Turismo e Cultura, Alexandro de Castro, o encontro foi muito produtivo. “Nós pudemos analisar alguns fatores e o momento em que o Estado e o comércio de Palmas estão vivendo. Estamos na proximidade de uma Fenepalmas e foram abordadas todas as participações, tanto do Estado quanto do empresariado, no sentido de fomentar essa movimentação do comércio neste segundo semestre do ano”, avaliou.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.