Trunfo político na campanha de Luiz Inácio Lula da Silva (PT), a senadora Simone Tebet (MDB) é uma grande aposta do partido para aglutinar votos ao petista neste segundo turno das eleições. Então, as articulações dos ministérios já estão de vento em polpa. O PT propôs para Tebet o Ministério da Agricultura, porém a senadora prefere a pasta da Educação. 

Em troca do apoio, Tebet pediu que o petista adotasse algumas propostas na área social, como a criação de uma poupança de R$ 5 mil aos jovens que concluir o Ensino Médio. Simone declarou apoio três dias após o primeiro turno das eleições. “Compromisso com a democracia e a Constituição”, afirmou.

Apesar da preferência pelo Ministério da Educação, a senadora também aceitaria outra pasta da área social. Na quarta-feira, 19, ela fez caminhada de apoio a Lula, em Brasília. Em busca de voto no segundo maior colégio eleitoral do país, Tebet estará sexta-feira, 21, ao lado de Lula em Juiz de Fora, Minas Gerais.