O Plenário da Assembleia Legislativa de Goiás aprovou em segunda votação, na tarde desta terça-feira, 13, projeto de resolução de autoria da deputada Lêda Borges (PSDB), que dá o nome do ex-deputado Iso Moreira ao salão nobre do Palácio Maguito Vilela, da Alego. Segundo a parlamentar, a proposta é homenagem a um político que tanto contribuiu com o estado, em especial com o Nordeste goiano, e faleceu no início de novembro.

No projeto, aprovado por unanimidade, Lêda Borges ressaltou a atuação de Iso Moreira em prol de Goiás. “O ‘Leão do Nordeste’, como era conhecido, iniciou sua trajetória como prefeito em Simolândia, na gestão entre os anos de 1993 e 1996. Durante o seu mandato, reestruturou e organizou todo o município com obras em diversos setores: saúde, educação, habitação e infraestrutura. Com um trabalho ousado, unindo foco e determinação, construiu os pilares de sustentação da cidade em apenas quatro anos de gestão”, pontuou.

A parlamentar destacou que a administração arrojada e empreendedora de Iso Moreira representou um divisor de águas na história de Simolândia, que obteve um grande salto qualitativo durante o período em que esteve à frente do Executivo municipal.

Para Lêda Borges, a nomeação do parlamentar e ex-prefeito do município de Simolândia é uma homenagem do tamanho da pessoa e do cidadão que foi Iso Moreira, que participou de seis Legislaturas como deputado estadual e somou uma imensa contribuição à sociedade goiana no decorrer da sua vida pública.

Falecimento

O deputado estadual licenciado, Aloísio Moreira dos Santos, mais conhecido como Iso Moreira (UB), faleceu no dia 4 de novembro, no Rio de Janeiro.

Em 26 de maio de 2022, Iso licenciou-se do seu sexto mandato na Assembleia Legislativa de Goiás por motivos médicos. Ele foi internado em fevereiro deste ano em razão da covid-19.