Quem é o terceiro melhor jogador do mundo?

Resultado das quartas de final da Champions League pode ajudar a responder, mas Copa do Mundo ainda será decisiva para a escolha

Messi e Cristiano Ronaldo revezam a conquista do prêmio desde 2008 | Foto: Montagem

Não restam dúvidas de que Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, e Lionel Messi, do Barcelona, são os dois melhores jogadores de futebol do mundo. O português e o argentino revezam a conquista do prêmio desde 2008, mas a terceira posição costuma se alterar.

Em termos de habilidade, talvez Neymar seja mesmo o terceiro melhor. Contudo, a premiação tende a reconhecer os desempenhos durante toda a temporada. E o jogador brasileiro, que está machucado, não surpreendeu.

Outros dois craques mostraram e ainda mostram um futebol de altíssimo nível: o egípcio Mohamed Salah, do Liverpool, e o belga Kevin De Bruyne, do Manchester City. Salah é o artilheiro da Premier League e De Bruyne conduziu seu time à iminente conquista do campeonato em questão, tido como o mais disputado de todos.

Na esfera do continente europeu, as duas equipes inglesas se enfrentaram nas quartas de final da Champions League e o Liverpool venceu os dois jogos — Salah marcou em ambos. Com De Bruyne eliminado, o egípcio teria tudo para se consolidar como o terceiro melhor jogador do mundo.

Mas 2018 é ano de Copa do Mundo e o Egito de Salah não tem muitas perspectivas no mundial. Já o Brasil de Neymar e a Bélgica de De Bruyne, sim. O jogo ainda pode virar e, inclusive, contar com a disputa de um jogador francês, alemão ou espanhol.

Em relação a Cristiano Ronaldo e Messi, a Copa da Rússia também deve ajudar a determinar suas posições. De maneira surpreendente, o Barcelona foi eliminado das quartas do torneio europeu pela Roma na terça-feira (10/4). O Real Madrid ainda vai enfrentar a Juventus, mas é favoritíssimo para passar de fase.

Assim, o português se tornaria o mais cotado para ganhar o prêmio de melhor do mundo. Entretanto, a Copa pode ter, de novo, peso decisivo. É possível que, mesmo se Real Madrid vencer a Champions League, Messi conquiste a Bola de Ouro — mas só se a Argentina ganhar o mundial.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.