Euler de França Belém
Euler de França Belém

O Popular demite a operadora de imagens Dany Marciano

O Grupo Jaime Câmara alega que passa por uma fase de rígida contenção de despesas e que algumas funções serão extintas

Alegando contenção de despesas e necessidade de trabalhar com um quadro de profissionais mais enxuto, “O Popular” demitiu a operadora de imagem Dany Marciano. Ela trabalhou no jornal durante oito anos.

O novo grupo dirigente de “O Popular”, além de uma política rigorosa de contenção de despesas, definiu que algumas funções serão extintas, como a de operador de imagens. Os dois funcionários que cuidavam da área foram demitidos. A tese dos diretores é que os próprios fotógrafos (e até repórteres e editores), na era digital e da velocidade, podem cuidar deste trabalho.

Um repórter do jornal repassou um comunicado — exposto no Facebook — de Dany Marciano aos amigos: “A leitura deste mês não podia ser outra. Quando comprei esse livro [“No Olho do Furacão”, de Max Lucado], há alguns dias, na verdade, não sabia o que tinha me atraído nele, porque, afinal, estava tudo ‘normal’ nos meus dias. Mas acho que ontem tive a resposta. Minha caminhada na GJC se encerra perto de completar 8 anos. Saio agradecida por cada aprendizado e por cada oportunidade que tive. A felicidade e expectativa por viver novos desafios me dão a certeza de que dias melhores virão. E como diz em Eclesiastes: ‘Há um tempo certo para todas as coisas’. Serei sempre grata por cada conquista que tive durante esses anos, mas infinitamente grata por poder levar comigo algo que vai além das fotos e vídeos editados, que ultrapassa os portões da empresa. Amor verdadeiro Ricardo Rafael e amizade sincera como a de Wanessa Teles.

“Agora, ficam para trás os gritos do Spada, as ligações e os espirros do Robson, o ‘vamo gravar’ da Ludmila Morais, a flor da Raisa Guerra… mas se inicia uma estrada nova e cheia de flores!”

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.