Vilmar Rocha, secretário das Cidades, mostra eficiência na articulação com o governo federal

[Vilmar Rocha, secretário; Gilberto Kassab, ministro; e Marconi Perillo, governador]

Com a experiência de cinco mandatos de deputado federal e uma grande rede de contatos em Brasília, o secretário Vilmar Rocha, presidente do PSD em Goiás, mostra ser, mais uma vez, um dos principais nomes da articulação do governo estadual com o governo federal. Prova disso é que, em menos de dois meses à frente da Secretaria das Cidades e Meio Ambiente (Secima), Vilmar Rocha já conseguiu trazer para Goiânia nada menos que três ministros: Gilberto Kassab (Cidades), Guilherme Afif (Micro Empresa) e agora Izabella Teixeira (Meio Ambiente). Esta última participa de evento na quinta-feira, 26, quando será apresentado o Plano Estadual de Recursos Hídricos.

Além disso, no mês passado em Brasília, Vilmar Rocha também participou der uma reunião com nada menos que sete ministros. No jantar, realizado na casa do deputado federal Rogério Rosso (PSD-DF), estavam presentes Joaquim Levy (Fazenda), Nelson Barbosa (Planejamento), Aloísio Mercadante (Casa Civil), Pepe Vargas (Relações Institucionais), Kassab, Afif e o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini.

“Nesse momento, de início de governo, minha estratégia é a de abrir o máximo de portas possíveis com o governo federal e de estabelecer os contatos para buscarmos as parcerias”, explica Vilmar Rocha, que comanda uma pasta que abriga 40% dos principais eixos do plano do atual governo.

O secretário ressalta que as parcerias com a União serão fundamentais para viabilizar projetos como os do VLT, BRT do Entorno do DF e o Goiás sem Lixão, entre outros. “Todos sabem que não fizemos campanha para a presidente Dilma Rousseff (PT). Tanto eu quanto o governador Marconi Perillo trabalhamos duro pela eleição do Aécio Neves (PSDB), mas ela foi eleita pelo povo. Então, agora a história é outra. Governo não faz oposição a governo”, assinala o secretário. “Temos de ter um bom relacionamento com o governo federal e buscar o que é melhor para Goiás.”

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.