PMDB e PT devem sacramentar, no início de 2016, uma aliança política em Rio Verde. O peemedebista Paulo do Vale, capaz de mobilizar uma estrutura financeira de maior porte, vai ser o candidato a prefeito. Karlos Cabral, do PT, deve ser o candidato a vice.

A tese das oposições é formatar uma aliança ampla, com PMDB (de Paulo do Vale), PT (de Karlos Cabral e do casal Flávio e Náudia Faedo) e PRTB (de Leonardo Veloso). O argumento é prosaico: divididas, as oposições entregarão, mais uma vez, o poder para o grupo de Juraci Martins, Heuler Cruvinel e Lissauer Vieira, o trio do PSD.