Petismo, segundo a “Veja”, aposta que Lula está prestes a ser preso pelo juiz Sergio Moro

A tática do Lulão Quase-Paz e Amor volta a hibernar. Prisão seria uma “questão de tempo”

Lula da Silva e Marcelo Odebrecht: dueto com obras e dinheiro público

A coluna “Radar”, da “Veja”, sugere que as revelações de Marcelo Odebrecht, ex-presidente da empreiteira Odebrecht, de que mantinha uma conta milionária para saques, podem levar à prisão do ex-presidente Lula da Silva. O texto, assinado por Gabriel Mascarenhas, sob o título de “Sentimento reinante no PT é de que Lula será preso em breve”, frisa que, “sem foro privilegiado e no alvo de Sérgio Moro, a prisão” do “ex-presidente virou uma questão de tempo”.

Segundo a revista “A cúpula do partido viu na divulgação dos vídeos um petardo na imagem de Lula, justamente no momento em que a Lava Jato partia com tudo para cima das traficâncias tucanas”.

Lula da Silva havia mudado a tática, por recomendação de advogados, e, no lugar de permanecer atacando o juiz Sergio Moro, passou a elogiá-la. Com as revelações de Marcelo Odebrecht, o Lulão Quase-Paz e Amor volta a hibernar. O petismo tende a não lançar candidato a presidente da República? É possível. Pode apoiar, por exemplo, Ciro Gomes…

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.