Murilo Ulhôa não quer mais nem ouvir falar de Cristianópolis

Fernando Leite/Jornal Opção

Ex-CMTC e ex-braço direito de Maguito Vilela, Murilo Ulhôa tinha o sonho de ser prefeito de Cristianópolis. Para tornar o sonho em realidade, comprou propriedade rural, transferiu título eleitoral para o município e calçou botina para garimpar votos. Mas, faltou combinar com os eleitores: foi candidato à prefeitura local por duas vezes – uma, ele próprio, e outra, sua mulher —, mas não obteve sucesso. Agora, cansou-se definitivamente de Cristianápolis e vendeu o sítio. Não quer mais nem ouvir falar da cidade, terra natal de Iris Rezende.

Ao Jornal Opção, ele contradisse a informação e garantiu que, embora não tenha projetos políticos de imediato para o município, mantém seus laços com Cristianópolis.

“Meu relacionamento com Cristianópolis vai muito além de projetos políticos. Escolhi, de fato, o município como um lar. Tanto é que vendi o sítio e imediatamente aluguei uma casa, para onde vou toda semana. Cristianópolis pode contar comigo para o que precisar”, explicou.

Deixe um comentário