Grupo de Palma pode tramar “golpe” contra vitória certa de Marcelo Baiocci na Fecomércio

Foto: Reprodução e Fernando Leite/ Jornal Opção

O grupo de José Carlos Palma afirma que terá uma posição sobre a eleição para presidente da Federação do Comércio do Estado de Goiás (Fecomércio), mas não fala em apresentar candidato.

Se não houver golpe — como impedir determinados sindicatos de participarem da eleição —, é praticamente certo que Marcelo Baiocchi será eleito presidente da Fecomércio. É uma questão de matemática: ele tem o apoio da maioria dos sindicatos.

O ambiente está tão tenso que, recentemente, o presidente da Fecomércio, José Evaristo dos Santos, expulsou o presidente do Sindicato de Factorings, Orlando de Souza Santos, de uma reunião — alegando que não faz parte da diretoria da instituição.

Orlando de Souza Santos poderia ter participado da reunião como ouvinte, mas nem isto foi aceito. Motivo: o presidente do Sindicato de Factorings apoia Marcelo Baiocchi para presidente da Fecomércio.

O que se estranhou é que José Evaristo dos Santos, sempre diplomático e respeitoso, parece ter perdido as estribeiras.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.