Edinho do Posto quer unir oposição para enfrentar Gil Tavares em Nerópolis

O pré-candidato tucano avalia que a disputa será plebiscitária: entre um modelo eficiente de gerir a máquina e o populismo do prefeito

Edinho do Posto, pré-candidato do PSDB a prefeito de Nerópolis | Foto: Reprodução

Pré-candidato do PSDB a prefeito de Nerópolis, Edson de Paula, o Edinho do Posto, reuniu na quarta-feira, 24, com parte do seu grupo político. O objetivo é intensificar os encontros — “sempre com reuniões pequenas por causa da pandemia” —, com objetivo de formatar um plano de governo para o município.

“Estamos também conversando com outros pré-candidatos para unir os grupos de oposição em uma única chapa”, assinala. O tucano é empresário do ramo de combustíveis, produtor rural e foi vereador em três mandatos — quatro vezes presidente da Câmara. “Por conta da minha atividade, converso diariamente com dezenas de pessoas e captei um sentimento de uma gestão em que o prefeito seja mais próximo das pessoas e, portanto, das suas necessidades.”

Edinho do Posto com André Raggi Nunes, Pedro Paulo Raggi e Marco Aurélio Cunha | Foto: Divulgação do PSDB

Conhecido em Nerópolis como articulador hábil, Edinho do Posto tem, segundo aliados, “conversas adiantadas com três pré-candidatos a prefeito”.

Participaram da reunião o presidente da OAB-Seção Nerópolis, André Raggi Nunes, o advogado Pedro Paulo Raggi Nunes e Marco Aurélio Cunha. “Temos de polarizar esta disputa com o atual prefeito. Pois será uma eleição plebiscitária, ou seja, daqueles que almejam um modelo de administração mais eficiente contrapondo os que desejam a continuidade deste modelo de governar.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.