O senador Ronaldo Caiado e Maguito Vilela poderão ser vistos pelos eleitores como forças tradicionais. Podem até sair na frente, mas tendem a se desidratarem

José Eliton, Ronaldo Caiado, Daniel Vilela e Maguito Vilela
José Eliton, Ronaldo Caiado, Daniel Vilela e Maguito Vilela

A oposição perdeu 5 eleições para a aliança comandada pelo PSDB porque não consegue renovar seu discurso e seus quadros. Para as 5 disputas, o PMDB lançou apenas 2 postulantes — Iris Rezende (3 vezes) e Maguito Vilela (2 vezes). Em 2018, corre o risco de bancar um candidato, que apesar de qualitativo, não significa renovação e já perdeu 2 vezes. Trata-se do prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela. O partido tem chance de fazer melhor figura se apresentar discurso e nome renovador, como o deputado Daniel Vilela. Aí o eleitor poderá entender que quer mudança. O DEM, se bancar Ronaldo Caiado — com o apoio de Iris —, também estará investindo na não-renovação. Se apostarem em Maguito e Caiado, a oposição tende a enfrentar a situação com um candidato novo, José Eliton.