Um problema familiar grave impediu que comparecesse a votação do prosseguimento da ação contra o presidente. “Mas defendo publicamente o afastamento de Temer”

Deputado federal Waldir Soares: “Sou 100% contra a corrupção e a favor da Lava Jato”

O deputado e delegado Waldir Soares, do PR, disse ao Jornal Opção que um problema grave, ocorrido com a família, impediu que votasse pelo prosseguimento da ação contra o presidente da República, Michel Temer. “Não quero ficar comentando o assunto pessoal para resguardar mais a minha família do que a mim. Quanto ao meu posicionamento político, devo dizer que mantenho minhas críticas duras a Michel Temer. Não mudei de opinião. Portanto, se tivesse comparecido no dia da votação, teria votado contra ele. Esclareço também que ninguém do PR pediu para que eu me ausentasse. Sou um político que, embora filiado a um partido político, mantenho minha independência. Tenho consciência de que devo meu mandato aos eleitores, não a caciques políticos de quaisquer natureza.”

“Insisto que não mudei e que continuo trabalhando com o objetivo de retirar Michel Temer da Presidência. Não compactuo e jamais vou compactuar com um governo no qual se pratica ou se praticou corrupção. Nenhum presidente da República pode trabalhar para estancar a Operação Lava Jato. Sou inteiramente favorável à Lava Jato e a uma investigação inteiramente ampla das ações dos políticos”, afirma Waldir Soares. “Minhas palavras de repúdio indicam, de maneira clara, que não apoio o governo de Michel Temer e, por isso, jamais teria votado a seu favor na Câmara dos Deputados.”

O deputado conta que, na Câmara dos Deputados, tem comprado brigas com políticos que não querem uma apuração rigorosa da corrupção sistêmica que assola a política brasileira. “Eu e o deputado Laerte Bessa, de Brasília, quase fomos às vias de fato recentemente. Eu sou contra o governo de Michel Temer e o Bessa é a favor. Sou um político, sublinho, posicionado. Meu mandato não foi comprado. O mandato é meu e dos eleitores. Assim, posso me manifestar sem qualquer receio.”