Em 2020, as eleições municipais em Acreúna foram decididas por nada mais que 31 votos. Claudiomar Portugal (PP) ganhou de Adelio Prado (UB) e ambos somaram 82,66% dos votos válidos. Agora, em articulação promovida pelo MDB (Claudiomar Portugal deve imigrar para o partido), ambos vão se unir. 

O candidato da oposição deve ser Eurípedes Pankão (Patriota). Ele, que já foi prefeito na cidade e secretário de Estado, é bem avaliado, mas seu desempenho nas urnas tem caído. Pankão foi de 34,08% dos votos em 2016 para 15,89% em 2020.
(I.C.W)