Alexandre Baldy se tornou objeto de desejo de pelo menos dez partidos políticos

Parlamentar está sendo disputado, quase a tapa, por PMDB, PP, PSD, PSDB e até pelo DEM

Alexandre Baldy e Wilder Morais: aliança para 2018 e outros pleitos

O deputado federal Alexandre Baldy é o político de Goiás que mais tem portas abertas nos altos escalões de Brasília. Conversa com o presidente da República, Michel Temer, com frequência. Tornou-se carne e unha com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia.

Ao anunciar que vai deixar o Podemos, a “ditadura” da deputada Renata Abreu, Baldy se tornou objeto de desejo de vários partidos. Seu passe está sendo disputado, quase a tapa, por PMDB, PSDB, PP, PSD, PROS, PMN, PHS e mais uns três partidos. Até o DEM, via Rodrigo Maia, tentou conquistá-lo. O presidente Temer entrou no circuito com o objetivo de levá-lo para o PMDB. O mais provável é que, devido à amizade com os senadores Ciro Nogueira, presidente nacional, e Wilder Morais, presidente regional, o parlamentar goiano acabe se filiando ao PP.

Candidato à reeleição, Alexandre Baldy ampliou sua base política e seus aliados apostam que sua votação será maior do que a de 2014.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.