10 políticos mais promissores de Goiás, segundo políticos e marqueteiros

Deputado federal Daniel Vilela (PMDB), vice-governador José Eliton (PP), deputada estadual Adriana Accorsi (PT) e o secretário Thiago Peixoto (PSD) | Fotos: Jornal Opção / Governo de Goiás

Promissores: deputado federal Daniel Vilela (PMDB), vice-governador José Eliton (PP), deputada estadual Adriana Accorsi (PT) e o secretário Thiago Peixoto (PSD) | Fotos: Jornal Opção / Governo de Goiás

Oito políticos e marqueteiros elaboraram, a pedido do Jornal Opção, a lista dos 10 políticos que avaliam com os mais promissores de Goiás:

1 – Adriana Accorsi

2 – Daniel Vilela

3 – Fábio Sousa

4 – Giuseppe Vecci

5 – Jayme Rincón

6 – José Eliton

7 – Marcos Abrão

8 – Thiago Peixoto

9 – Vanderlan Cardoso

10 – Virmondes Cruvinel

Os “eleitores” sugeriram que, da lista, devem sair ao menos um governador e um prefeito de Goiânia nos próximos anos. Francisco Júnior quase figurou na lista.

Sobre o tucano Fábio Sousa, que vai bem como deputado, disseram: “Precisa ser mais ecumênico do que evangélico, seguindo o modelo de Iris Rezende”.
À petista Adriana Accorsi sugeriram a formatação de um discurso mais sólido e posições políticas mais explícitas.

Quanto a Daniel Vilela (PMDB), sublinharam que precisa se livrar, ao menos em parte, da sombra do pai, o prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela.

A Giuseppe Vecci (PSDB) recomendam mais paciência e diplomacia. Sustentam que tem conteúdo e sabe se impor em termos pessoais e políticos.

Quanto a Jayme Rincón (PSDB) formulam a tese de que precisa, se quiser ser candidato a prefeito de Goiânia, formular projetos de interesse da classe média.

Virmondes Cruvinel (PSD) deveria, sublinham, ser mais incisivo e menos cauteloso.

Sugerem que Thiago Peixoto (PSD) se exponha mais e não pense tanto que há “fila” em política. Na política, asseguram, “filas” existem para serem “furadas”, como ocorreu com Marconi Perillo em 1998.

Afirmam que Marcos Abrão (PPS) precisa diversificar mais seus temas, não se concentrando apenas em habitação, e, mesmo não se distanciando da senadora Lúcia Vânia, demarcar seu próprio território.

Sobre Vanderlan Cardoso (PSB) as opiniões se dividem. A maioria disse que precisa “refinar” seu discurso e torná-lo menos insosso e mais palatável. Mas um marqueteiro frisa que sua imagem de político sério, que tem capacidade de gestão, interessa ao eleitorado. “Ele tem feições ‘aborrecidas’. Precisa mudar isto”, afirma um marqueteiro. “Passa a impressão de que nunca está feliz.”

6 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
4 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Jorge Henrique Elias

Não, ele simplesmente não está com essa “moral” toda!

Aquilino Junior

Delegado Waldir com certeza deveria está entre os 10

Donizete Santos

O Delegado Waldir foi eleito com o apelo de melhorar as lei sobre segurança pública. O que já fez neste sentido lá no Congresso Nacional? Qual projeto de lei já apresentou neste sentido? Se não centrar o foco no mote que usou para se eleger, corre sério risco de, em sua reeleição, bater na trave.

Joao Carlos Oliveira

Delegado Waldir?? Kkkkkkkk. Putz!!! Brasil mesmo….

Joao Carlos Oliveira

Delegado Waldir??? Kkkkk. Brasil mesmo…

Joao Carlos Oliveira

Delegado Waldir??? Kkkkk. Piada?