Zé Eliton destaca força da “modernidade do Estado” e das “tradições históricas”

Vice-governador participou de solenidades de entregas de obras de recapeamento asfáltico das principais avenidas de acesso à cidade de Goiás

Comitiva do governo na Cidade de Goiás | Foto: Wildes Barbosa

O vice-governador de Goiás, Zé Eliton (PSDB), destacou, na manhã desta quarta-feira (7/3), na Cidade de Goiás, a força da “modernidade do estado e do governo”, bem como as “tradições históricas de nossas cidades”.

Acompanhado do governador Marconi Perillo, ele participou de solenidades de entregas de obras de recapeamento asfáltico das principais avenidas de acesso para o município, um dos pontos turísticos mais importantes do estado. O convênio é no valor de R$ 5 milhões e já foram pagas a 1º e 2º parcelas.

O Governo de Goiás também entregou a obra de restauração e requalificação do Casarão da Prefeitura Municipal de Goiás, que contou com o apoio do Ministério da Cultura. O investimento é de R$ 5,6 milhões.

Ainda em Goiás, além da agenda de inaugurações, Zé Eliton participou de missa realizada na Catedral da cidade de Goiás, a Sant’Ana. A celebração marca as comemorações pelo aniversário de 55 anos do governador Marconi Perillo. Em suas redes sociais Zé Eliton o parabenizou. “Parabéns por sempre nos brindar com exemplos de coragem, otimismo, trabalho e espírito público”, disse.

Patrimônio histórico, a igreja começou a ser construída em 1743 pelo Ouvidor Geral de Goiás, Manuel Antunes da Fonseca, que resolveu demolir a antiga capela que existia no mesmo lugar para edificar outra compatível com o crescimento da cidade. A igreja foi planejada para comportar três vezes mais pessoas do que a catedral do Rio de Janeiro.

Os eventos contaram com as presenças do ministro das Cidades, Alexandre Baldy, presidente do Iphan, Kátia Bogéa, secretários de Governo, prefeitos da região, parlamentares e moradores do município.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.