Unidades de saúde da Unimed Goiânia estão próximas da acreditação ONA

Entidade não governamental que certifica a qualidade de serviços de saúde no Brasil, com foco na segurança do paciente

O Setor de Recursos e Serviços Próprios (RSP) da Unimed Goiânia está na reta final do processo de acreditação da Organização Nacional de Acreditação (ONA), entidade não governamental que certifica a qualidade de serviços de saúde no Brasil, com foco na segurança do paciente.

No último dia 30 de maio, no auditório do Centro Clínico, houve uma reunião para alinhar as ações relacionadas à acreditação. Estiveram presentes Washington Ferreira Rios (diretor de RSP I), Fernando Paceli (diretor Técnico), Ricardo Esperidião (diretor Técnico), Madson Montes Bedim (diretor Clínico) e Jales Benevides (coordenador Médico do Centro Clínico), além de todos os gestores de Recursos e Serviços Próprios I.

“Depois de muitos esforços, estamos na reta final de mais uma conquista: receber da ONA um selo de reconhecimento pela qualidade dos nossos serviços. Nada mais gratificante do que fazer parte de uma equipe que tem se empenhado para adaptar as rotinas para conquistá-lo e acredita que todo esforço vale a pena para oferecer aos nossos beneficiários uma assistência segura, prestada por profissionais competentes, dentro de uma Cooperativa que se preocupa com a melhoria contínua de seus processos”, afirmou Washington Ferreira Rios, diretor de Recursos e Serviços Próprios I.

A acreditação é o reconhecimento formal de que a Unimed Goiânia atende a requisitos previamente definidos e demonstra ser competente para realizar suas atividades com segurança. A ONA é uma das mais respeitadas organizações nacionais de acreditação que certifica a qualidade de serviços de saúde no Brasil, com foco na segurança do paciente.

As vantagens do processo de acreditação são a segurança, a qualidade da assistência e a melhoria contínua, fatores que beneficiam a gestão, os cooperados, os beneficiários, as organizações parceiras e a comunidade em geral.

No início de junho, foi concluída uma auditoria interna. Nos dias 11, 12 e 13 foi intensificada a mobilização dos colaboradores em relação ao processo, e até o fim do mês serão feitas outras duas auditorias internas antes da avaliação externa de julho.

O Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ) da Cooperativa tem estabelecido diversas ações visando a melhoria contínua dos processos, entre elas: gestão de documentos, gestão de indicadores, gestão de não conformidades, avaliação de fornecedores, educação continuada, auditorias internas, gestão das comissões e gestão de risco.

Já estão sendo implantadas as metas internacionais de segurança do paciente nos RSP I: identificação correta dos pacientes, melhoria da eficácia da comunicação, melhoria da segurança medicamentosa, garantia da cirurgia segura, higienização das mãos para prevenir infecção e redução do risco de queda e lesão por pressão.

Deixe um comentário