Transporte coletivo terá circulação normal em Goiânia

Governador afirmou nesta segunda-feira, 23, que a frota estará completa nas ruas a partir de amanhã. Presidente da CMTC diz que veículos serão disponibilizados de acordo com demanda

Ônibus da CMTC| Foto: Renan Accioly/Jornal Opção

De acordo com o governador do Estado, Ronaldo Caiado (DEM), os ônibus do transporte coletivo não vão deixar de circular em Goiânia a partir de terça-feira, 24. “Os ônibus funcionarão na rotina normal e com toda frota”, afirmou o governador nesta segunda, 23.

“O que estamos pedindo é ajuda da guarda-municipal, dos nossos policiais que estão sobrecarregados, que orientem nos terminais para que as pessoas ocupem aqueles espaços sentados, fora isso, que aguardem o próximo ônibus. Os proprietários dizem que não tem controle daquelas pessoas que insistem em entrar e ficar nos corredores”, falou Caiado.

“Queremos deixar claro que o transporte coletivo será mantido. Frota normal. Estamos tentando buscar uma outra frota complementar para os hospitais como HDT, Hospital do Ipasgo que já está reservado 100% para o coronavírus, que estes locais de referência possam ter um transporte em separado para dar mais agilidade ao pessoal de higienização, de saúde e segurança dessas áreas”, informou.

O presidente da Companhia Metropolitana de Transporte Coletivo (CMTC), Benjamin Kennedy, confirmou a fala do governador ao Jornal Opção. “A frota vai funcionar normalmente, de acordo com a demanda. Se houver demanda para a frota completa, toda ela estará à disposição”, afirmou.

“Não vai haver a paralisação. Terá  atendimento normal. Hoje à tarde a CMTC e a AGR devem editar uma portaria para regulamentar a utilização do transporte público coletivo, porque o decreto do governador  é bem claro sobre quais atividades devem continuar funcionando. Essa portaria, entendemos que deverá contemplar apenas os trabalhadores dessas atividades econômicas para utilizarem o transporte coletivo”, explicou.

 

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.