Tiago Leifert pretendia participar de campanha presidencial pelo Novo

Ao lado de João Amoêdo, apresentador afirmara que mostraria o rosto, declararia voto e seria militante da campanha pela “terceira via”

Tiago Leifert, ex-apresentador do Big Brother Brasil, da Globo, estava empolgado com o surgimento da terceira via para a eleição presidencial – ou seja, aqueles que não querem de novo no poder, nem Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e nem Jair Bolsonaro (PL). Em 2021, Leifert chegou a mandar mensagens para conhecidos que são filiados ao partido Novo, dizendo que estava à disposição para ajudar na campanha de João Amoêdo ao Planalto.

Entretanto, Amoêdo não conseguiu viabilizar sua candidatura e acabou desistindo, em junho do ano passado, de se tornar candidato. O presidenciável pelo Novo será o cientista político e empresário Luiz Felipe D’Ávila. Leifert se sentiu frustrado com a escolha do partido.

A intenção de Leifert se deu quando o apresentador ainda estava na Globo, antes de descobrir o problema de saúde de sua filha. Depois disso, ele pediu afastamento da emissora. Desde que Amoêdo decidiu se afastar das eleições e até do Novo, partido fundado por ele, Tiago não demonstrou mais interesse em se envolver na disputa. Atualmente, o ex-apresentador do BBB apresenta um canal no YouTube com Rica Perrone e Full Clear.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.