Tandara, do vôlei feminino, é flagrada no exame antidoping em Tóquio

Tandara: flagrada no exame antidoping | Foto: Divulgação

Seleção brasileira não poderá contar com a jogadora na sequência dos Jogos, em que o vôlei feminino disputa medalha

Pouco depois das 22h30 (horário de Brasília) desta quinta-feira, 5, o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) divulgou nota informando que a atacante Tandara, da seleção brasileira de vôlei, havia sido flagrada em um exame antidoping.

A jogadora está fora da Olimpíada de Tóquio, em que o Brasil disputa medalha no vôlei feminino.

O COB informou que Tandara Caixeta, de 32 anos, recebeu uma “suspensão provisória por potencial violação de regra antidopagem” e retornará ao Brasil, informou na noite desta quinta-feira, 5, o Comitê Olímpico do Brasil (COB).

A entidade não revelou qual foi o tipo de violação, nem se houve alguma substância proibida encontrada. Informou somente que recebeu uma notificação relacionada a exame feito ainda no Brasil.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.