Surreal: público de jogo do Vila pode ter sido de 25 mil. Ou de 40 mil

Diferença entre o que foi divulgado em borderô e o que realmente passou pelas catracas do Serra Dourada é de mais de 15 mil pessoas

Por meio de um grupo de conversação via WhatsApp, o presidente do Vila Nova, Guto Veronez, acabou propagando uma informação um tanto surreal: a de que o público do jogo de sua equipe contra o Brasil de Pelotas (RS), na segunda-feira, 2, teria tido um público acima de 40 mil pessoas. A vitória nos pênaltis levou o time goiano à final da Série C do Campeonato Brasileiro.

Na verdade, o público pagante divulgado foi de 35.500 pessoas. Nisso, ninguém discorda. O problema é o público presente, que foi de 25.045 (sinal de que os ingressos comprados por uma empresa não foram totalmente revendidos), segundo o que foi informado no estádio. Mas, um dado errôneo foi postado no borderô oficial, elevando o público para 40.503 pessoas.

Trecho de conversação do presidente do Vila Nova em grupo do WhatsApp

Trecho de conversação do presidente do Vila Nova em grupo do WhatsApp

O fato é que, visivelmente, o estádio não estava lotado. E o público máximo, observados os limites de segurança do estádio, é de 38 mil desde 2012. Ficou, então, a polêmica: é um público de 25 mil, de 35 mil ou de 40 mil?

Rafael Augusto, da empresa MeuBilhete.com, responsável pelo controle das catracas, foi incisivo ao declarar, em redes sociais que, o público presente foi de pouco mais de 25 mil.

Responsável pelo controle de entrada no Serra Dourada afirma que só passaram 25 mil pelas catracas do estádio

Responsável pelo controle de entrada no Serra Dourada afirma que só passaram 25 mil pelas catracas do estádio

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.