Sítio de Atibaia: TRF-4 decide se anula sentença de Lula nesta quarta-feira

Defesa do petista pede que decisão seja revista e revindica ainda nulidade do processo que resultou na condenação de 12 anos e 11 meses

Foto: Reprodução

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) deve decidir, nesta quarta-feira, 27, se anula, ou não, a sentença dada ao processo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no caso do sítio de Atibaia.

O petista foi condenado a 12 anos e 11 meses de prisão pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro. A decisão foi da 13ª Vara Federal de Curitiba. A defesa de Lula pede que a decisão seja revista e revindica ainda a nulidade do processo instaurado contra o ex-presidente.

Segundo informações do jornal Estadão, o julgamento da apelação de Lula chegou a ser suspenso, no entanto, foi remarcado e depois mantido por ordem do desembargador Leopoldo Arruda, convocado do Superior Tribunal de Justiça.

Caso os desembargadores entendam como pertinente, o processo pode voltar à fase de alegações finais. Caso contrário, a sentença será mantida podendo implicar em redução ou aumento de pena.

O jornal paulista lembrou ainda que Lula foi condenado pelo mesmo tribunal em janeiro de 2018 no caso do triplex do Guarujá. A decisão foi pela manutenção de sua condenação que acarretou também em aumento de pena. Após a decisão do colegiado, os desembargadores determinaram pelo cumprimento imediato da sentença. Isso implicou na prisão do ex-presidente em 7 de abril de 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.