Sete partidos se unirão em 2020 para formar chapa com os melhores colocados nas pesquisas

Paulinho Graus, que deve ser o pré-candidato pelo PDT, que informou sobre as articulações

Vereador Paulinho Graus | Foto: Fernando Leite/ Jornal Opção

O vereador Paulinho Graus (PDT) não vai mais disputar a Câmara Municipal de Goiânia. O parlamentar afirmou que conversou com o presidente nacional do partido, Carlos Lupi, e colocou seu nome à disposição para a corrida pelo Paço da Capital.

“Minha posição é de pré-candidatura à prefeitura de Goiânia”, declarou. Segundo Paulinho, no próximo dia 15 haverá uma reunião de sete partidos (PDT, PSC, Podemos, PMB, DC, PTC e PRTB) e, possivelmente, o DEM, para o lançamento de pré-candidaturas individuais.

Ele explica, que cada sigla colocará um nome para prefeito e, no ano que vem, os dois melhores nas pesquisas, sairão como prefeito e vice-prefeito, mantendo a aliança entre as siglas. “Até agora, estão certos: eu, pelo PDT, Paulo Daher (DEM), Denis Pereira (PRTB) e José Nelto (Podemos)”.

Chances

Questionado sobre a possibilidade de ser o representante da aliança, Paulinho diz apenas se ver como Davi diante de Golias. “Acredito que vão escolher alguém que tem amor à cidade, que nasceu aqui, tem nome limpo…”.

O vereador, inclusive, diz que já reuniu um grupo de notáveis com médicos, professores, religiosos, lideranças e outros, para trabalhar um plano de governo. Como plataforma principal ele destaca a transparência total, com fácil acesso, especialmente na saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.