Repórter quase tem celular furtado durante cobertura ao vivo do velório de Gabriel Diniz

Jornalista acompanhava o cortejo do corpo do cantor, quando sentiu alguém puxar o aparelho de seu bolso

Foto: Reprodução/SBT

Durante o cortejo do corpo do cantor Gabriel Diniz, nesta terça-feira, 28, a repórter do programa Fofocalizando, do SBT, quase teve o celular furtado ao vivo. “Roubaram meu celular, [email protected][email protected]”, gritou a jornalista e interrompeu a cobertura, ao perceber que alguém puxou o aparelho de seu bolso, que caiu, em seguida, no chão.

“Meu Deus, roubaram o celular da repórter ao vivo”, disse a apresentadora do programa. No vídeo, populares apontavam para um homem que seguia normalmente o trajeto. Mais à frente um segurança o segurou e ele se fez de desentendido.

“Eu senti ele puxando, eu senti ele puxando”, repetia a repórter que já segurava o objeto, enquanto o apresentadora e os participantes do programa pediam calma. “Já é um momento muito difícil, de dor, e as pessoas não respeitam. Ela quase teve o celular roubado”, disse a apresentadora.  

Vídeo: Enviado ao Jornal Opção

Acidente

Gabriel Diniz, conhecido pelo hit Jenifer, morreu, na tarde de segunda-feira, 27, em um acidente aéreo que vitimou outras duas pessoas. O corpo do cantor foi velado nesta terça-feira, 28, no ginásio de esportes Ronaldão, em João Pessoa. O sepultamento acontece nesta tarde.

O artista seguia de Salvador para Maceió acompanhado de Linaldo Xavier e Abraão Farias, pilotos e diretores do Aeroclube de Alagoas, quando a aeronave caiu perto do povoado Porto do Mato, sul de Sergipe.

Segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) decidiu suspender as operações do Aeroclube de Alagoas, que é proprietário da aeronave que caiu e interditou também as nove aeronaves pertencentes à empresa.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.