Relembre personalidades que morreram em 2014

Desfalques na literatura foram grandes com a morte do cuiabano Manoel de Barros e do colombiano Gabriel García Marquez. A política também perdeu: o ex-ministro de Israel Ariel Sharon e o ex-governador Eduardo Campos

Este slideshow necessita de JavaScript.

O ano de 2014 está para acabar e com ele vão lembranças de artistas, escritores, celebridades e políticos que faleceram ao longo de seus 365 dias. O Jornal Opção Online preparou uma lista de personalidades nacionais e internacionais que deixam saudades, como os locutores esportivos Luciano do Valle e Maurício Torres, e Roberto Bolaños, intérprete do Chaves.

No cenário político, destacaram a morte do ex-primeiro ministro de Israel Ariel Sharon, em janeiro. O Brasil também perdeu algumas referências, como o deputado federal Sérgio Guerra (PSDB) e o presidenciável Eduardo Campos (PSB) — vítima de trágico acidente aéreo. Ambos eram pernambucanos. No plano regional, lembra-se do ex-prefeito de Goiânia Darci Accorsi (PT).

Os desfalques na literatura e no cinema também foram grandes: Ariano Suassuna, Rubem Alves, Manoel de Barros, García Marquez, o documentarista Eduardo Coutinho e os atores José Wilker e Robin Williams.

Acesse a galeria e relembre a passagem dessas e outras personalidades.

Deixe um comentário