Deputado Célio Silveira justifica troca de partido para apoiar a reeleição do governador Caiado

Parlamentar mantém coerência com a base eleitoral da região do Entorno

Com base política no Entorno do Distrito Federal, o deputado federal Célio Silveira deixou o PSDB e se filiou recentemente ao MDB para disputar o projeto de reeleição. Na justificativa, o parlamentar argumentou que a maioria dos prefeitos da região apoia o governador Ronaldo Caiado (UB) e que, por isso, ele ia sentir dificuldades para manter a musculatura eleitoral. Além disso, o parlamentar aprova a gestão do atual chefe do Executivo estadual.

“Muitos prefeitos da região estão aliados ao projeto de reeleição do governador Ronaldo Caiado. E se eu fico no PSDB nessa outra base, eu ia ter dificuldades com a maioria do pessoal que está me apoiando. Além de ter sido uma estratégia política, eu também tenho um ótimo relacionamento com o Daniel Vilela, pré-candidato a vice-governador de Goiás. Sempre tivemos boa convivência. E também devido a conjuntura política do momento daqueles me apoiam”, diz ele ao Jornal Opção.

Ao defender a ligação com o governador Caiado, Silveira lembra que nas eleições de 1998, quando foi eleito deputado estadual pela primeira vez, eles fizeram dobradinha em Luziânia, no antigo PFL. “Foi uma parceria que deu muito certo. E o Dr. Ronaldo Caiado sempre teve muita atenção com a minha pessoa. Então, foi uma soma de fatores”, diz.

O parlamentar frisa que saiu do PSDB sem atrito interno. “Quero deixar aqui claro que não tenho nada contra o PSDB. Tenho um ótimo relacionamento com a diretoria nacional da sigla. Tenho grandes amigos por lá. A questão é o momento político”, pontua.

O político frisa que a desunião no partido tucano enfraquece os correligionários, e por isso, causa desestabilidade. “Embora pequena, o PSDB tem uma bancada hoje no Congresso Nacional forte, porém a sigla fragmentou. Hoje é notório que há um grupo que apoia o ex-governador João Doria e outro com o Eduardo Leite e Aécio Neves. Isso deixa os deputados inseguros. Talvez essa falta de união a nível nacional tem trazido essa dificuldade para o PSDB”, avalia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.