Procon encontra mais de meia tonelada de alimentos estragados no Pão de Açúcar, em Goiânia

Agentes verificaram condições irregulares de armazenamento dos produtos congelados na unidade do Setor Oeste, em frente à Praça Tamandaré, 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Mais de meia tonelada de alimentos, entre carnes, sorvetes, massas, entre outros produtos congelados, foram recolhidos por agentes da Superintendência de Proteção aos Direitos do Consumidor (Procon), da unidade do Setor Oeste da rede de Supermercados Pão de Açúcar.

A operação realizada na manhã desta terça-feira (9/5), após denúncias de clientes, verificou condições irregulares de armazenamento dos alimentos da sessão de congelados, com termômetros marcando temperaturas inadequadas e alimentos já em estado de deterioração. Também foram encontrados alguns produtos com prazo de validade vencido.

Segundo o Procon, a ação desta terça, a rede tem 10 dias para protestar a autuação e, enquanto isso, os autos dos fiscais serão encaminhados ao departamento jurídico do órgão, que vai determinar qual será a penalidade. O valor da multa pode variar de R$ 600 a R$ 9 milhões.

Todo o alimento recolhido será descartado no aterro sanitário e outras unidades da rede em Goiânia podem ser fiscalizadas nos próximos dias. Enquanto isso, o Pão de Açúcar do Setor Oeste segue em funcionamento normal.

A assessoria de imprensa do supermercado disse por meio de nota que “a rede trabalha de acordo com as orientações dos órgãos reguladores e tem rigoroso procedimento para auditar as instalações das lojas”.

O posicionamento encaminhado à imprensa informa ainda que “os pontos abordados não condizem com o padrão operacional exigido pela companhia” e que “tomará medidas corretivas em sua operação para que os fatos mencionados não voltem a ocorrer”.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.