Prefeito de Santa Helena decreta situação de emergência e calamidade após incêndio próximo a GO-210

Em vídeo divulgado nas redes sociais, João Alberto Rodrigues afirmou que a cidade foi vítima de ações terroristas coordenadas

Foto: Reprodução

Após um incêndio de grandes proporções atingir uma fazenda na GO-210, nas imediações de Santa Helena de Goiás, também próximo a Turvânia, na tarde desta quinta-feira, 18, o prefeito do município, João Alberto Rodrigues (PRP), decretou situação de emergência e calamidade pública até que a situação seja resolvida. O gestor se reuniu nesta tarde com o governador Ronaldo Caiado (DEM) e o secretário de Segurança Pública, Rodney Miranda, que se comprometeram a ajudar, segundo ele.

Em vídeo divulgado em suas redes sociais, João disse que este talvez seja o momento mais árduo dos cidadãos da cidade, quando Santa Helena “é vítima de ações terroristas coordenadas, que trazem prejuízos sociais, econômicos, à saúde e colocando em risco a vida dos cidadãos”. Ele ainda afirmou que se trata de uma ameaça “à Lei de Soberania Nacional, portanto invoca-se a Lei de Segurança Nacional”, disse antes de decretar emergência.

“Esperamos termos o desfecho dessas investigações. Quem souber acerca desse grupo incendiário, que informe a delegacia e também na Polícia Militar. Certamente conseguiremos sobressair todas essas adversidades”, finalizou o informe em vídeo.

Incêndio

Iniciado na tarde desta quinta, o incêndio teve início em uma fazenda entre Santa Helena e Turvânia. Uma nuvem de fumaça teria chegado até o município do prefeito João, deixando o céu amarelado.

A pista, na GO-210 precisou ser interditada após um nuvem de fumaça cobrir o local, mas foi liberada por volta de 18h30. Um caminhão, conforme o corpo de Bombeiros, foi atingido pelas chamas e explodiu, mas ninguém ficou ferido. Há suspeitas de que tenha ocorrido um acidente entre dois carros de passeio, mas não foi confirmado. Famílias na região rural precisaram deixar suas casas.

Segundo os bombeiros ainda há focos próximo à Usina Santa Helena, mas a situação já está controlada.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.