Polícia prende homem que estuprou enteada de quatro anos enquanto mãe dormia

Crime foi revelado pela própria vítima que narrou com detalhes os abusos que sofreu

A Delegacia de Polícia Civil de Piracanjuba efetuou, na manhã de sábado (25), cumprimento do mandado de prisão preventiva de JBMO, 25 anos, pela prática do crime de estupro de vulnerável.

Segundo o delegado que coordenou as investigações, Leylton Barros, JBMO teria praticado violência sexual contra sua própria enteada, de quatro anos. O crime foi revelado pela própria vítima que narrou com detalhes os abusos que sofreu.

No decorrer das investigações, o investigado confessou ter violentado sua enteada. Os fatos teriam ocorrido durante a noite, enquanto a mãe e o irmão da vítima dormiam. Diante desses elementos, a Polícia Civil representou pela prisão preventiva do investigado.

JBMO foi capturado após buscas realizadas inclusive na zona rural de Piracanjuba. O criminoso, que não possui antecedentes criminais, foi recolhido à Unidade Prisional, onde responderá pelo crime de estupro de vulnerável, cuja pena poderá ser de até 15 anos de prisão.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.