Polícia autua estabelecimentos de Goiânia e Aparecida por furto de energia

Foram detectadas irregularidades em medidores de energia de um motel, dois supermercados e outras empresas 

Divulgação

A Polícia Civil apresentou na tarde desta segunda-feira (30/10), os resultados de uma operação contra furto de energia elétrica em Goiás, realizada em parceria com a Celg. A Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Consumidor (DECON) autuou três estabelecimentos em Aparecida de Goiânia e outros três em Goiânia.

Na capital, a fiscalização aconteceu em uma empresa de reciclagem, uma de informática e em um supermercado. Na empresa de reciclagem foi detectada ligação clandestina de energia. Já em Aparecida, um motel, uma fábrica de concreto e um supermercado apresentaram irregularidades nos medidores de energias.

Os aparelhos dos três estabelecimentos indicavam consumo menor do que o que de fato ocorria. A polícia informou que os medidores foram apreendidos para análise.

O delegado responsável pelo caso informou que os alvos foram listados pela Celg, que monitora o consumo de energia e percebeu diferença entre as medições. Os donos dos estabelecimentos fiscalizados poderão responder por estelionato e furto de energia elétrica.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.