Para Henrique Meirelles, PIB deve cair 10% no 2º trimestre de 2020

Estimativa é embasada em previsões de infectologistas sobre duração de crise do coronavírus. Para ex-ministro da Fazenda, se deve primeiro preservar a vida. Depois, recuperar a economia

Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles: recuperando a economia

De acordo com o ex-ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, o PIB brasileiro deve contrair 10% no segundo trimestre de 2020 e 3% acumulado do ano. A estimativa de Meirelles é embasada em previsões de infectologistas sobre a duração da crise do coronavírus. Com o pico de infectados em abril, um início de recuperação poderá ser visto na atividade por volta de julho.

Para ele, a crise financeira irá ocorrer de qualquer maneira e que discurso do presidente Jair Bolsonaro na última terça-feira, 24, é de negação. “Ele optou por entrar na chamada crise de negação, onde o doente recusa-se a ver o que está acontecendo, se nega a enxergar a realidade por uma conveniência de curto prazo”, disse. Para o ex-presidente do Banco Central, a população deve seguir as orientações de confinamento. ” Temos que preservar a vida e depois tentar recuperar a economia”, afirmou.

Em abril, a receita deve recuar 30%, quando houver o pico. “O impacto em março será sentido na arrecadação de abril, que é quando as empresas pagam os impostos estaduais. Mas depois vai voltando a se recuperar durante o ano”, falou. Para ajudar na manutenção de micro, pequenas e médias empresas, o governo de São Paulo prepara uma reunião com bancos para recomendar linhas de crédito. Outros governos, como o de Goiás, devem seguir no mesmo sentido e buscar soluções em créditos e programas de fomento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.