Pacto Integrador foi responsável por reduzir índices de criminalidade, diz José Eliton

Segundo governador, medida auxiliou todos os estados que fazem parte do Consórcio Brasil Central

Após a reunião de abertura do 20º Fórum dos Governadores do Consórcio Brasil Central, o governador de Goiás José Eliton (PSDB) disse em entrevista coletiva que partiu do consórcio a ideia de criação do Pacto Integrador de Segurança Pública Interestadual, que teve a honra de presidir.

Segundo ele, o Pacto Integrador foi responsável por reduzir o índice de criminalidade em todos os estados que fazem parte do Consórcio Brasil Central – com ênfase para a redução da taxa de homicídios por 100 mil habitantes e combate ao chamado “novo cangaço” – quadrilhas fortemente armadas que usam do expediente de aterrorizar pequenas cidades.

O Pacto, explicou, tem sua gênese ligada diretamente à política de integração e fortalecimento dos serviços de inteligência nos estados que participam do consórcio.

De acordo com o governador, dentre as medidas adotadas pelo Pacto Integrador está a criação Comitê de Inteligência Integrada, com sede em Brasília, que tem por objetivo de compartilhar dados, informações, investigações, softwares e práticas exitosas relativas a crimes comuns entre os estados.

Deixe um comentário