OAB manifesta apoio à permanência do campus da UEG em Caldas Novas

Presidente da subseção manifestou preocupação com a situação da Universidade Estadual de Goiás no município e pontuou sua importância para a cidade

Presidente da OAB – Caldas Novas | Foto: Divulgação

Em nota, a Ordem dos Advogados do Brasil – Subseção Caldas Novas manifestou apoio e preocupação com a situação da Universidade Estadual de Goiás (UEG), que tem campus na cidade. O presidente, Andrei Barbosa, disse estar preocupado com uma possível desassistência à educação e, consequentemente, à qualificação profissional de todos os cidadãos do município.

Ele exemplificou o caso recente em que uma jovem que se abrigou na instituição para se proteger de um agressor acabou sendo morta por arma de fogo no jardim da universidade. Ele disse ter observado “um cenário emergencial e de extrema dificuldade da UEG de Caldas Novas. Não apenas em sua estrutura física, mas também em nível mais profundo”.

A subseção também chamou a atenção para a possível descontinuidade de serviços do campus ou a iminente transformação da universidade em polo de outras UEGs localizadas em pequenas cidades próximas. Quanto a isso, o presidente pontuou a importância da regional para a manutenção do município. Confira nota na íntegra:

NOTA OFICIAL EM APOIO AO CAMPUS DA UEG DE CALDAS NOVAS

A Ordem dos Advogados do Brasil, Subseção Caldas Novas, através de seu Presidente, Andrei Barbosa, vem a público manifestar preocupação em relação à delicada situação em que encontra-se a única universidade pública do município, a Universidade Estadual de Goiás, Campus Caldas Novas.

Recentemente, a Instituição de Ensino Superior teve seu nome envolvido em lamentável incidente, em que uma jovem, apesar de não ter vínculo algum com aquele Campus, procurou abrigar-se dentro do prédio da UEG para evadir-se de um agressor, e acabou sendo morta por arma de fogo ao adentrar o jardim, vindo a falecer a caminho da UPA.

Consternada com o fato, que ganhou repercussão no estado, a Subseção esteve realizando uma visita in loco, para manifestar seus préstimos perante o ocorrido, à diretora do Campus, Rosa Maria Ferreira Chapadense, que vem realizando um excelente trabalho de resgate daquela Instituição de Ensino desde o ano passado quando assumiu sua gestão. Na ocasião observou o cenário emergencial e de extrema dificuldade da UEG de Caldas Novas. Não apenas em sua estrutura física, mas também em nível mais profundo.

A preocupação aqui manifestada recai principalmente sobre a possível desassistência à educação e consequentemente à qualificação profissional de todos os cidadãos caldasnovenses, uma vez que, ao inteirar-se da real situação da universidade, a Subseção ficou a par da possibilidade da descontinuidade dos serviços do Campus, ou ainda da iminência da transformação da UEG de Caldas Novas em mero Polo de outras UEGs localizadas em pequenas cidades próximas.

Ora, a UEG Caldas Novas representa, além de tudo, ao oferecer gratuitamente cursos voltados para a vocação de nossa cidade, a base da profissionalização da mão de obra do município. O complexo hoteleiro com mais de 100 mil leitos cadastrados, que faz de Caldas Novas um dos destinos mais procurados no Brasil, é assistido e fomentado por centenas de alunos formados naquela Instituição. Vale lembrar que o turismo representa grande parte do PIB de nossa cidade e é impensável que a OAB deixe de se manifestar diante deste quadro.

Nenhuma sociedade se desenvolve negando aos seu cidadãos seus direitos sociais. A educação constitui-se sem sombra de dúvida em uma necessidade primordial, pois somente através dela pode-se construir cidadania em seu pleno sentido, como também, a dignidade da pessoa humana, que exige a implementação do acesso à educação para sua concretização.

Pelo exposto acima, a OAB Subseção de Caldas Novas acredita ser necessário atuar com diligência, e prontifica-se a procurar agenda com o governador do Estado para alertá-lo das circunstâncias que ameaçam o Campus da Universidade Estadual de Goiás em Caldas Novas e por consequência, a nossa população como um todo.

ANDREI BARBOSA
PRESIDENTE DA SUBSEÇÃO DE CALDAS NOVAS

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.